theatroCirco

QUARTA, 25 maio 2016, manhã

Ricardo Ferreira, INL

rferreirapxRicardo Ferreira received his PhD from Instituto Superior Técnico (IST) in 2008 upon defending his thesis “Ion Beam Deposited Magnetic Spin Tunnel Junctions targeting HDD Read Heads, Non-volatile Memories and Magnetic Field Sensor Applications”. INESC-MN was the host institution during his PhD and also the lab where he conducted his research until joining INL.

Ricardo’s research work started in 1998, still as a non-graduated student, and has always concerned the production of magnetic tunnel junctions and their optimization targeting different applications.

Low RxA MTJs using AlOx barriers for use as HDD read sensors were a large part of the work developed until 2005. TMR values of up to 23% were maintained down to 2-3 Ohm um2, enabling HDD densities above 100 Gb/inch2.

Starting in 2005, Ricardo began working on non-volatile magnetic memories (MRAM) using a thermally assisted switching mechanism (TAS-MRAM). Ricardo participated in the TAS-MRAM European Project which demonstrated the ability to reduce the writing currents of memory cells down to levels compatible with production and the capacity to prevent the increase of the switching current with bit density. The TAS-MRAM project was the 2nd Finalist of the Descartes Prize for Excellent European Research in 2007, awarded by the European Commission.

Magnetic field sensing applications (such as magnetic imaging and detection of magnetically labeled biological molecules) became important since 2006. A noise spectroscopy measurement setup was created for the characterization of magnetoresistive devices. That allowed the optimization of the SNR ratio of these devices which are currently being produced targeting the detection of pT fields at room temperature.

Since 2007, the work of Ricardo has been focused on the production of low RxA MTJs using MgO barriers targeting devices that explore the spin transfer effect, such as nano-oscillators, and their integration with standard CMOS technology. The linearization of full signal MgO MTJs, appropriate for magnetic field sensing in a number of different applications is also an objective.

Participou na sessão “UTOPIA: A Escala Humana da Cidade”.

Fátima Vieira, President Utopian Studies Society Europe

fvieira300pxFátima Vieira é Professora Associada com Agregação da Faculdade de Letras da U.Porto (FLUP), onde lecciona desde 1986. É Presidente da Utopian Studies Society/Europe desde 2006 e Book Review Editor do periódico norte-americano Utopian Studies. É directora da colecção “Nova Biblioteca das Utopias” (Editora Afrontamento), bem como dos periódicos electrónicos E-topia e Spaces of Utopia (Biblioteca Digital da FLUP). É coordenadora do pólo da U.Porto do Centre for English, Translation and Anglo-Portuguese Studies, onde dirige, desde 2004, o projeto “Mapping Dreams”. No Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa, assegurou, entre 2000 e 2010, a coordenação de três edições de um projeto sobre o utopismo português e é atualmente Coordenadora do Projeto FCT “Utopia, Alimentação e Futuro”. É ainda a Coordenadora de Utopia 500, programa comemorativo dos 500 anos da publicação de Utopia, de Thomas More.

Em 2013, a associação americana e canadiana Society for Utopian Studies atribuiu a Fátima Vieira o “Larry E. Hough Distinguished Service Award”, com vista a premiar o trabalho que tem vindo a realizar na área dos Estudos sobre a Utopia.
Participou com o tema “Por que precisamos de utopias? 9 razões + 1 ideia”

António Cunha, Presidente do Conselho de Reitores

acunha300pxAntónio M. Cunha é Reitor da Universidade do Minho (UMinho), desde outubro de 2009, e Presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas desde 11 de novembro de 2014.

É licenciado em Engenharia de Produção, pela UMinho (1984) e doutorado em Ciência e Engenharia de Polímeros (1991) pela mesma instituição, onde é Professor Catedrático desde 2003, desenvolvendo investigação no Instituto de Polímeros e Compósitos / I3N (Laboratório Associado), como especialista no processamento e comportamento de polímeros e compósitos.

Foi Presidente da Escola de Engenharia da UMinho e administrador do PIEP (Inovação em Engenharia de Polímeros) e do CEIIA (Centro de Excelência e Inovação da Indústria Automóvel). Atualmente, também preside ao Padroado da Função CEER (associação entre as universidades do Norte de Portugal e da Galiza) e ao Instituto Internacional Casa de Mateus.

Recebeu a Insígnia de Ouro da Universidade de Santiago de Compostela.

Participou na sessão “UTOPIA: A Escala Humana da Cidade”.

Adriano Fidalgo, CEO Astrolábio

afidalgo300pxDoutorando em Estudos Europeus – Ramo Económicas – Tese em Competitividade da Região Ibérica na Europa do Futuro, pela UCP (Lisboa). Licenciaturas em Gestão e em Relações Internacionais pela Universidade do Minho. Pós-graduação em Estudos Europeus pela Universidade Católica Portuguesa, e em Relações Internacionais Económicas e Sociais Internacionais, pela Universidade do Minho. MBA pelo IFG – Institut Français de Gestion. Foi Diretor da Área Comercial da Cimpor e Diretor Geral da Pamésa Consultores. É Fundador e CEO da Astrolábio, Orientação e Estratégia SA e é Docente no Ensino Superior.
Participou como moderador da sessão “UTOPIA: A Escala Humana da Cidade”.

 

Rogério Paulo, EFACEC Deputy Director Marketing - Switchgear and Automation

rpaulo300pxRogério Paulo é atualmente diretor de marketing global na área de Automação e Redes Inteligentes na Efacec. Tem um background em gestão de produto no domínio de automação de sistemas de energia, após 12 anos associado a atividades de I&D em informática industrial, comunicações e automação.
Fez formação em Gestão na Católica-Lisbon School of Business and Economics, em Eng. Electrotécnica e Informática na FEUP e em Eng. Electrónica Industrial na Universidade do Minho.
Participa ativamente em fora e atividades de normalização internacional para redes inteligentes ao nível da IEC, CIGRE e T&D Europe e é autor de mais de 40 artigos e comunicações nacionais e internacionais.
Participou com o tema “A Experiência das Redes Inteligentes”.

Luís Vale da Cunha, Consultor do Conselho de Administração EDP

lcunha300pxParticipou com o tema “A centralidade dos Distribuidores e das Redes Digitais de Energia nas Cidades Inteligentes do futuro”.

Carlos Pelicano, Vice President at SCHNEIDER ELECTRIC Energy Business & Projects Solutions

cpelicano300pxCarlos Pelicano nasceu em 1960, na Figueira da Foz.

Membro Sénior da Ordem dos Engenheiros, Carlos Pelicano é licenciado em Engenharia Eletrónica, pelo Instituto Superior Técnico de Lisboa, tendo concluído com sucesso, desde então, vários cursos de especialização em áreas como Gestão Executiva na Universidade Nova de Lisboa e Universidade Católica, Effective Networking, Liderança e Inteligência Emocional.

Iniciou o seu percurso profissional, há 30 anos, na área de Simatic da Siemens, onde passou posteriormente a Diretor de Automação Indústria e Edifícios. Em 1996, Carlos Pelicano integrou a equipa da Schneider Electric onde veio a desempenhar as funções de Diretor de Vendas, Global Account Manager e Special Projects, em 2003, Business Development Angola, em 2005, Vice-Presidente de Soluções e Serviços, em 2007, e Vice-Presidente de Buildings Business e Projects Solutions, em 2011. Atualmente, assume funções como Vice-Presidente de Energy Business e Projects Solutions.

Vitor Pereira, Diretor revista Smart Cities

vpereira300pxParticipou como moderador da sessão “CITIES INTELLIGENCE”.

QUARTA, 25 maio 2016, tarde

Paulo Rodrigues, Administrador Grupo MIRALAGO / ÓRBITA

prodrigues301px– Administrador do Grupo Miralago/Órbita, desde outubro de 2015, com funções na área do R&D e Marketing, com particular foco no desenvolvimento de soluções de Bike Sharing e outros sistemas de uso coletivo ou partilhado;
– 11 Anos como Secretário Geral da ABIMOTA, incluindo direção geral e comercial do LEA, laboratório de testes e centro tecnológico das Fileiras da Mobilidade (2 e 4 rodas) e do Habitat (base metal);
Representante português nas Comissões Técnicas CEN (desde 2007) e ISO (desde 2010) para todas as áreas das bicicletas incluindo EPAC (elétricas);
Gestor de projetos a nível nacional e europeu nos domínios da Normalização (incluindo Acessibilidade e “Design for all”); Processos Industrias Sustentáveis, Internacionalização, Mobilidade Suave, Clusters e Gestão da Inovação;
Apoio a empresas em processos de internacionalização e gestão da inovação (certificação IDI). Representante Portugal na CONEBI – Associação Europeia Fabricantes Bicicletas e Componentes;
– 10 Anos como Diretor Adjunto, empresa financeira (SFAC, Leasing e ALD). Direção Regional agencias e rede comercial, incluindo prescritores. (credito automóvel);
– 3 Anos como Gerente Delegação Leasing, incluindo análise investimentos industriais;
– Colaboração em consultoria com empresas nacionais e internacionais em projetos pontuais (Alenia Aeronautica and Finmecanica – Italy) ; Thema Strategic Advisory (Grece);
– Formação em Engenharia Civil e Economia pela Universidade de Coimbra
– Pós Graduação em “Gestão e Pessoas” pela FEUC, Universidade Coimbra
Participou com o tema “Sistemas de uso partilhado em cidades inteligentes”.

Miguel Rodrigues, SIEMENS Head of Intelligent Traffic Solutions

mrodrigues300pxLicenciado em Engenharia Informática e Computadores pelo Instituto Superior Técnico (2000) e detentor de uma Pós-Graduação em Gestão Empresarial pelo Instituto para o Desenvolvimento em Gestão Empresarial do Instituto Superior das Ciências do Trabalho e da Empresa (2003), possui ainda certificações em Gestão de Projectos pela International Project Management Association (nível D, 2010) e pelo programa PM@Siemens (2011). É membro efectivo da Ordem dos Engenheiros e associado da Associação Portuguesa de Gestão de Projectos.
É actualmente e desde Outubro de 2014 responsável pelo Business Segment da Siemens Portugal que engloba as soluções para a mobilidade rodoviária – Intelligent Traffic Systems. A partir de Alfragide, a equipa endereça os mercados de Portugal, Angola e Moçambique e conta como importantes clientes múltiplas cidades em Portugal (Lisboa, Porto, Vilamoura) e Angola (Luanda e Malanje).
Entre Novembro de 2013 e Setembro de 2014 foi responsável pela área de Gestão de Projectos do Centro de Competências em bilhética para transportes públicos da Siemens, sediado em Alfragide. Durante este período foi o representante da empresa, em conjunto com congénere do cliente CP – Comboios de Portugal, no fórum de acompanhamento da OTLIS – Operadores de Transporte de Lisboa.
Entre Outubro de 2009 e Outubro de 2013 foi gestor de vários projectos na divisão Mobility da Siemens, tendo iniciado funções na área da sinalização ferroviária (Rail Automation) e passando posteriormente para o Centro de Competência em bilhética para transportes públicos (eTicketing CoC), núcleo de desenvolvimento global da Siemens sediado em Alfragide e para a fundação do qual teve parte activa.
Entre 2006 e 2009 foi Director de Área de Negócio na Tecmic – Tecnologias de Microlectrónica, tendo a seu cargo os segmentos de Transporte Público e Utilities, actuando no mercado nacional e Sul-americano e coordenando equipas em Oeiras e São Paulo. Teve a seu cargo os clientes CARRIS e Horários do Funchal, tendo participado a convite da ANTRAM no projecto Volante XXI, que assegurou a transposição para a legislação portuguesa da directiva comunitária que regula a actividade de motorista profissional de veículos pesados de mercadorias e passageiros.
Entre 1997 e 2006 desempenhou funções na área das infraestruturas para tecnologias de informação, nas empresas Hitec Sistemas e IsiNet – Serviços Informáticos, tendo assumido diversas posições nas áreas Técnica, Qualidade, Comercial e Gestão.
Participou com o tema “Da gestão de tráfego à conversão modal: uma abordagem”.

Joana Abreu, Diretora de Marketing TRANSDEV Portugal

jabreu300pxCom uma carreira associada aos transportes e um percurso nas áreas de Gestão e de Marketing, iniciou atividade na STCP (Sociedade de Transportes Coletivos do Porto, SA) em 2005, através de um programa de seleção dos melhores alunos nacionais, que visava incrementar a competitividade das empresas públicas. Na STCP desempenhou funções de análise da procura e acompanhamento das campanhas de comunicação e informação para a alteração de tarifário (para o sistema ANDANTE) e reestruturação da rede (para melhor articulação com a rede de Metro).

Em 2006 integrou a Transdev – um dos líderes mundiais na área dos serviços de transporte público – como Técnica de Marketing. Aí desenvolveu projetos de acompanhamento de procura e reformulação da oferta, gestão de informação ao público e campanhas de marketing para captação de novos clientes.

Atualmente integra o Departamento de Marketing da Transdev como Diretora de Marketing, onde, entre outras coisas, acompanha e garante a implementação do plano de marketing anual, dando consistência aos trabalhos multidisciplinares; desenvolve, implementa e acompanha projetos SIM (Soluções Integradas de Mobilidade) e coordena o projeto de análise e acompanhamento das carreiras da Transdev a nível nacional.

Participou na sessão “Mobilidade Sustentável”

Baptista da Costa, Administrador TUB

bcosta300pxBaptista da Costa é Doutor em Gestão de Empresas pela Universidade de Sevilha, MBA pelo Instituto Francês de Gestão e Engenheiro pela Universidade do Porto.

Foi administrador do Porto de Leixões, a maior infraestrutura portuária do Norte de Portugal, dirigiu o Metro do Porto, o maior projeto urbanístico do século XX do Norte de Portugal e Coordenou obras públicas do município do Porto tendo realizado Acessibilidades ao Euro 2004, Arruamentos e Tuneis, Conjuntos habitacionais, Museus, Pavilhões gimnodesportivos, Infraestruturas e Integração paisagística.

É administrador dos Transportes Urbanos de Braga e Professor Universitário.
Participou como moderador da sessão “Sustainable Mobility”.

 

 

Sérgio Correia, Gestor de Segmento da Construção EMEA da AMORIM CORK COMPOSITES

scorreia300pxSérgio Vaz Correia é Area Sales Manager na Amorim Cork Composites.

Mestre em Engenharia Civil pela Universidade de Coimbra e pós-graduação em Gestão pela Universidade da Beira Interior.

Colabora com a ACC desde 2014, desempenhando inicialmente a função de Gestor de Produto no sector da construção, com enfoque no desenvolvimento de reestruturação de gamas de produtos e actualmente responsável pelas áreas de mercado de África, Médio Oriente e Benelux.

Participou na sessão “Regeneração Urbana”.

Rui Basto, Diretor de Marketing da WISHBOX

rbasto300pxRui Basto possui formação académica em engenharia química, engenharia e gestão industrial e gestão de empresas.

Trabalhou no CTCV – Centro Tecnológico da Cerâmica e do Vidro como auditor de energia, auditor do processo produtivo e diretor de projeto de novas instalações industriais.

Foi diretor industrial da Cerâmica do Vale da Gândara e diretor comercial e de marketing do CITEVE – Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário, onde criou a Unidade de Ambiente e Energia, de que foi coordenador.

É fundador e diretor da OXYS – Consultores de Marketing, onde exerce funções de diretor criativo e consultor de empresas nas áreas de estratégia e marketing.

É consultor de marketing eleitoral e marketing político de autarquias e partidos políticos.

É fundador da WISHBOX – Projeto e Consultoria, empresa de arquitetura e construção que introduziu no mercado um produto inovador, as construções múltiplas.

Interessa-se pelas mais variadas expressões e manifestações artísticas, e emprega uma parte do tempo de que nunca dispõe a comissariar atividades culturais.
Considera-se um cidadão a tempo inteiro.

Participou com o tema “A Utopia na Regeneração Urbana”.

Hugo Soares, Director Comercial LÚCIOS

unknown300px.

Victor Ferreira, Presidente Plataforma para a Construção Sustentável

vferreira300pxVictor Ferreira é doutorado pela Universidade de Aveiro em Ciência e Engenharia de Materiais e é professor nesta Universidade desde 1983. Atualmente é Professor Associado da Universidade de Aveiro no Departamento de Engenharia Civil, com atividades de ensino, I&D e de cooperação empresarial na área dos Materiais de Construção e Sustentabilidade.
Tem participado em diversos projetos de investigação Europeus e Nacionais na área de materiais de construção, tendo publicado um número significativo de artigos em revistas internacionais.

Em termos da sua atividade de cooperação com o tecido empresarial e a sociedade em geral destaca-se o facto de ser fundador e presidente da Plataforma para a Construção Sustentável desde 2007, uma associação de empresas, centros de I&D, municípios e outros agentes da fileira do Habitat e que assumiu o papel de entidade gestora do Cluster Habitat Sustentável desde o seu reconhecimento formal em Portugal em 2009.
Participou como moderador da sessão “Urban Regeneration”.

Ana Fragata, Diretora Executiva FICIS

afragata300px

Ana Fragata é Diretora Executiva do FICIS.

É doutorada em engenharia civil pela Universidade de Aveiro com a Technical University of Denmark, tem Diploma de Formação Avançada em Conservação e Recuperação do Património Construído pelo Instituto Superior Técnico e é licenciada em Engenharia Civil pela Universidade do Minho.

É membro do Conselho Científico do Laboratório Nacional de Engenharia Civil, onde é investigadora desde 2006. É autora de mais de 50 publicações científicas. Atualmente a sua linha de investigação é a Sustentabilidade do Património Construído.

Foi Sustainability Analyst nas Nações Unidas (UNOPS) e professora na Universidade Portucalense e no Instituto Politécnico de Viana do Castelo.

Teotónio Andrade dos Santos, Administrador dos Transportes Urbanos de Braga

tsantos300px.

Adriano Fidalgo, CEO Astrolábio

afidalgo300pxDoutorando em Estudos Europeus – Ramo Económicas – Tese em Competitividade da Região Ibérica na Europa do Futuro, pela UCP (Lisboa). Licenciaturas em Gestão e em Relações Internacionais pela Universidade do Minho. Pós-graduação em Estudos Europeus pela Universidade Católica Portuguesa, e em Relações Internacionais Económicas e Sociais Internacionais, pela Universidade do Minho. MBA pelo IFG – Institut Français de Gestion. Foi Diretor da Área Comercial da Cimpor e Diretor Geral da Pamésa Consultores. É Fundador e CEO da Astrolábio, Orientação e Estratégia SA e é Docente no Ensino Superior.


FICIS ’16